" O temor do Senhor é o princípio do conhecimento; os loucos desprezam a sabedoria e a instrução " Provérbios 1:7

Curso Avançado

GRADE CURRICULAR CURSO AVANÇADO EM TEOLOGIA.


 Selecione a matéria desejada e verifique os tópicos abordados em cada disciplina.


TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Diretrizes para Leitura.

Introdução.

O Conhecimento Científico E Outros Tipos De Conhecimento.

Análise e Interpretação de Textos.

Diretrizes para Elaboração de Relatório, Resumo e Fichamento.

Diretrizes para Elaboração de Fichamentos.

Referências Bibliográficas.

Registro De Ideias E Problematização.

A Transcrição Para Citação. Citação Literal.

Citação Não Literal, Citação Conceitual Ou Paráfrase.

Sugestão De Fichamento.

Fichamento De Texto Ensaístico.

Fichamento De Textos Literários.

Técnicas De Fichamento De Tópicos.

Textos E Diretrizes Para Elaboração De Resenhas.

Conceito De Texto.

Elementos Estruturais Do Texto.

Eficácia Do Texto.

Coesão E Coerência.

O Que É Resenha.

Procedimentos. Diretrizes para Elaboração de Monografia.

Monografia.

Estrutura Da Monografia.

Elaboração Da Monografia.

Estrutura Da Monografia.

Apresentação Gráfica Da Monografia.

Construção de Referências.

Bibliografia de Livros no Todo.

Referências De Documentos Diversos.

Documentos E Dados Da Rede Internet.

Referências De Documentos Especiais.

Citações.

Aspectos Gráficos e Conteúdos: Os Elementos Pré-Textuais.

Regras Gerais de Apresentação.

Elementos Textuais.

Elementos Pós-Textuais.

Regras Gerais de Apresentação – NBR 14724 – ABNT).

Normas sugeridas pela Comissão de Estudo de Documentação (CE–14), da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

 

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Introdução à Filosofia.

O Que Não É Filosofia.

Origem E Definição Da Filosofia.

Utilização Da Filosofia.

Os Grandes Períodos Da Filosofia.

Filosofia Pré-Socrática.

Filosofia Analítica.

Filosofia Indiana.

Sistemas Ortodoxos.

Filosofia Islâmica.

Seitas E Escolas Teológicas.

De Avicenae Algazali.

Filosofia Árabe Na Espanha.

Grandes Movimentos Filosóficos.

Atomismo.

Dialética.

Empirismo.

Dialética.

Cinismo.

Epicurismo.

Ceticismo E Ecletismo.

Hedonismo Filosófico.

Platonismo.

Neoplatonismo.

Pitagorismo.

O Estoicismo.

Gnosticismo.

Existencialismo.

Kantismo.

Hegelianismo.

Estruturalismo.

Fenomenologia.

Idealismo.

Marxismo.

Materialismo.

Ortodoxos E Heterodoxos.

Positivismo Crítico E Positivismo Lógico.

Positivismo No Brasil.

Racionalismo.

Teoria do Conhecimento: Epistemologia e Gnosiologia.

O Conhecimento Como Um Conjunto De Crenças Verdadeiras.

Entendendo Que É A Epistemologia.

Gnosiologia – Gnoseologia.

Lógica: Conceitos E Sistemas Da Lógica.

Lógica Formal.

A Apreensão E O Termo.

Compreensão E Extensão.

O Juízo E A Proposição.

O Raciocínio E O Argumento.

A Definição.

A Divisão.

O Silogismo.

A Indução E Dedução.

Metafísica: As Indagações Metafísicas.

Por Que Há Seres Em Vez Do Nada.

A Pergunta Pelo Que É.

O Emprego Da Palavra Metafísica.

O Emprego Da Palavra Ontologia.

O Surgimento Da Metafísica.

As Aventuras da Metafísica.

O Cristianismo E A Tarefa Da Evangelização.

As Tradições Metafísicas Encontradas Pela Cristianismo.

A Metafísica Cristã.

Expoentes Da Metafísica Cristã.

METAFÍSICA – A Metafísica Moderna.

Ideias Que Operam Na Metafísica.

Objetos Da Metafísica.

Ontologia e Sua Contemporaneidade.

O Idealismo.

Os Fenômenos Ou Essências.

Ôntico E Ontológico.

Qual O Dilema Posto Pelo Realismo E Pelo Idealismo.

O Que É O Tempo.

Indaguemos, Porém, O Que É Vivenciar O Próprio Tempo.

O Que É O Tempo.

O Que É Nosso Corpo? Qual Sua Essência.

 

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Sociologia Geral.

Estudo Da Sociologia Humana.

De Que Se Ocupam As Ciências Sociais.

História Das Ciências Sociais.

Como Surgiu A Sociologia.

A Revolução Industrial.

O Que Interessa Aos Sociólogos.

Conceitos Básicos Para Compreensão Da Vida Social.

Isolamento Social.

Contatos Sociais.

Tipos De Contatos Sociais.

Comunicação Social.

Processos Sociais.

Fato Social.

Os Grupos Sociais.

Conceituação.

Agrupamentos Sociais.

Status Social.

Organização Social.

As Relações De Poder Na Sociedade.

Fundamentos Econômicos Da Sociedade.

O Processo De Produção.

Modos De Produção.

Modo De Produção Primitivo.

Modo De Produção Escravista.

Modo De Produção Asiático.

Modo De Produção Feudal.

Modo De Produção Capitalista.

Modo De Produção Socialista.

Sociologia Geral.

Estratificação E Mobilidade Social.

Estratificação Social.

Estratificação Segundo A Renda

Familiar.

Mobilidade Social No Brasil.

Classe Média Negra No Brasil: Negros Em Ascensão Social.

Castas.

As Castas Na Índia.

Sistema De Casta No Brasil.

A Cultura.

Conceito.

Cultura Material E Cultura Imaterial.

Elementos Da Cultura.

O Crescimento Do Patrimônio Cultural.

Sociologia Geral.

A Contracultura. Socialização.

O Subdesenvolvimento.

Características Do Subdesenvolvimento.

O Subdesenvolvimento Brasileiro.

Indicadores Do Subdesenvolvimento.

Indicadores Vitais.

Indústria Moderna E Desemprego

O Papel Do Estado.

Crescimento Econômico Ou Desenvolvimento.

Sociologia Da Educação.

A Educação – Sua Natureza E Função.

As Definições Da Educação.

Como Proceder De Modo Diverso.

Definição De Educação.

Por Que Educar? Por Que O Ser Humano Precisa Se Educar.

Então: Por Que Educar.

Por Que Educar.

Educação Na Sociedade.

Os Sete Saberes Necessários À Educação Do Futuro.

O Conhecimento Pertinente (Ou Relacionado).

A Identidade Humana.

A Compreensão Humana.

A Incerteza.

A Condição Planetária.

A Antropo-Ética.

A Educação Face Os Desafios Do Mundo Contemporâneo.

A Aceleração Das Transformações.

A Explosão Demográfica.

A Necessidade De Mudanças.

Os Novos Instrumentos Educacionais.

Sociologia Da Educação.

A Educação Como Tema Da Sociologia.

O Que Torna Possível A Educação.

A Educação E A Escola.

A Educação Escolar E A Educação Fora Da Escola.

Cultura/Educação/Conhecimento.

O Contexto Brasileiro.

O Capitalismo E As Explicações Da Sociologia.

Brasil, País Capitalista.

As Idéias Liberais E A Escola.

Compreendendo A Realidade Com O Auxílio Da Sociologia.

A Visão De Educação Em Durkheim.

As Idéias De Marx.

Os Marxistas E O Cotidiano.

Os Elementos Que Estruturam A Vida Cotidiana Favorecem A Alienação E Os Preconceitos.

A Escola No Brasil.

A Escola No Contexto Capitalista Brasileiro.

Escola E Renda. Escola E Trabalho.

A Escola Não É Uma Só.

A Organização Da Escola.

O Administrativo Tem Precedência Sobre O Pedagógico.

A Submissão.

A Situação De Medo.

A Burla.

As Situações De Preconceito.

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Introdução à Arqueologia Bíblica.

Fatos Recentes Da Arqueologia Bíblica.

A Procura De Sodoma E Gomorra.

A Natureza E O Propósito Da Arqueologia Bíblica.

Funções Da Arqueologia Bíblica.

Por Que Antigas Cidades E Civilizações Desapareceram.

A Escavação De Um Sítio Arqueológico.

A Arqueologia E O Texto Da Bíblia.

Evidências Concretas das Escrituras.

Ceticismo da Mídia.

Merece Confiança o Antigo Testamento.

Abraão, a Rota e os Camelos.

O Êxodo.

A Ciência e as Questões Bíblicas.

Sobre o Big Bang.

Jericó – Uma das Cidades mais Antiga da Palestina.

A Arqueologia e a Bíblia.

A Não Evidência Como Evidência.

Saul, Davi e Salomão.

Davi e a Arqueologia.

Evidências do Reinado de Saul e o Governo Salomônico.

Infâmias Contra Jesus Cristo.

Onde Jesus Nasceu, Belém ou Nazaré.

Jesus, Filho de um Relacionamento Espúrio.

A Bíblia ou a Superinteressante.

E a Bíblia tinha razão.

Testemunho do Autor do Livro.

A Arqueologia Bíblica.

Os Resultados.

Os informes históricos de fontes assírias.

Expansão no levante.

O Dilúvio.

História De Muitas Tradições.

Expedições Arqueológicas.

Aprofundam-Se As Escavações.

A Descoberta Do Dilúvio.

Versões Do Dilúvio.

Épico de Gilgamés.

O Épico de Atrahasis.

A Arca De Noé E O Monte Ararat.

Localização Do Monte Ararat E As Expedições Arqueológicas.

Monte Ararat.

Aportamento da Arca de Noé.

Mapa do Monte Ararat.

Como era a Arca de Noé (Gn 6.14-16).

Madeira antiquíssima encontrada no Monte Ararat.

A Arca de Noé foi encontrada.

A Descoberta da Estrutura de Madeira.

Os Sete Espaços Encontrados.

Ur dos Caldeus.

Localização de Ur.

Expedição Arqueológica em Ur.

Objetos Pessoais achados em Ur.

Começam as descobertas.

Mais objetos encontrados em Ur dos Caldeus.

Descoberta da cidade de Ur dos Caldeus.

Como era Ur dos Caldeus.

Ziggurat em Ur dos Caldeus.

Abraão e Ur dos Caldeus.

As Terras de Canaã.

A Terra De Harran ou Harã

Localização E Descrição Da Terra De Canaã.

Sua História E Sua Importância.

Canaã À Quase Quatro Milênios Atrás.

Mais Inscrições, Desta Vez Em Vasos E Estatuetas.

É Encontrada A Cidade De Siquém.

Como Era Canaã E Suas Cidades.

Abraão E Seu Caminho Por Canaã.

Sodoma E Gomorra.

Abraão E Ló Separam-Se.

Ló Vai Para Sodoma.

A Destruição De Sodoma E Gomorra.

Exploração Do Mar Morto.

A Procura De Sodoma E Gomorra.

O Que Disseram Os Geólogos.

A Destruição Não Foi Causada Por Vulcões.

A Mulher De Ló Virou Estátua De Sal.

Outros Achados Arqueológicos.

A Cidade De Nínive.

O Começo Das Expedições

As Escavações.

Descobertas Arqueológicas Em Nínive.

A Descoberta De Nínive.

Os Manuscritos do Mar Morto.

O Que São Os Manuscritos.

Qumram E Sua Relação Com Eles.

Como Chegaram Até As Grutas.

A Descoberta.

Data Das Descobertas.

País Que Foram Achados.

Onde Se Encontram.

Os Atuais Donos.

Israel Adquire Os Principais Manuscritos Da Gruta 1.

Os Manuscritos Que Foram Publicados.

Os Idiomas Que Foram Escritos.

As Datações.

Descobertas Mais Recentes.

Piscina de 1800 anos atrás foi encontrada em Jerusalém.

Nova Exposição Arqueológica No Kibbutz Mishmar Haemek.

Sinagoga Samaritana Com 1500 Anos De Idade Descoberta Em Beit Shean. Kursi (Cursi) Nas Colinas De Golan – O Endemoninhado De Gadara.

Siló (Shiloh).

Nova exposição arqueológica no Kibbutz Mishmar Haemek.

Arqueóloga Eilat Mazar Com O Muro De Salomão Ao Fundo.

Arqueológico Ofel e do parque nacional em torno das muralhas de Jerusalém.

Estela de Dan 851–842 a. C.

Cilindro de Ciro Rei da Pérsia (539-530 a. C.).

As Provas do Êxodo.

 

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Antropologia De Missões E Antropologia Cristã.

Definições.

História.

História Da Antropologia Missionária.

Relação De Antropologia E Missões.

Atualidade.

Ênfase Em Missões

O Valor Da Antropologia Para Missões.

A Antropologia Oferece Ferramentas Teóricas Para O Trabalho Prático Missionário.

A Antropologia Visa Apresentar Os Aspectos-Chave Da Cultura Ao Missionário.

O Estudo Antropológico Visa Preparar O Missionário Para A Adaptação Cultural.

O Missionário Não Deve Aceitar Os Fatores Culturais Que São Contrários Ao Evangelho.

A Antropologia Missionária Pretende Preparar O Missionário Para Contextualizar A Mensagem.

A Antropologia Missionária Pretende Auxiliar O Missionário Na Busca Pelos Elos Eternos De Deus Nas Culturas Para Uma Pregação Eficaz (Fator Melquisedeque).

O Evangelho E Cultura.

O Conceito De Cultura.

 Dimensões De Cultura.

O Evangelho Em Todas As Três Dimensões.

Manifestações De Cultura. Sistemas De Símbolos.

O Evangelho E A Cultura.

A Tarefa Missionária.

A Natureza Da Tarefa Missionária.

O Duplo Mandato.

A Grande Comissão.

A Grande Comissão E As Comissões.

A Tarefa Missionária.

O Apostolado No Novo Testamento.

O Chamado Missiológico.

A Razão Da Chamada.

 Deus Não Escolhe Idade Ou Posição Social.

Deus Usa Seus Critérios Para A Chamada.

O Ministério Missiológico À Luz Do Novo Testamento.

Os Ministros São Vocacionados Segundo Um Propósito Divino.

Objetivo Do Ministério Missiológico.

A Importância O Chamado Missionário.

 O Desafio Do Chamado De Deus.

Qualificações Bíblicas De Um Missionário.

Missiologia – Uma Perspectiva Urbana.

 Definições.

Conceito De Missiologia Urbana.

As Cidades Na Bíblia.

Características E Problemas Do Homem Urbano.

 Características Psico-Sociais. Problemas Do Homem Urbano.

Problemas Sociais Ou Violência Urbana.

 Problemas Na Família.

 Problemas Psicológicos.

Problemas Espirituais E Morais.

Problemas Educacionais.

 Obstáculos Para O Crescimento De Igrejas Em Áreas Urbanas.

 A Relativização De Absolutos.

 Ausência De Credibilidade Da Igreja.

A Perda Da Linguagem Comum.

Reação De Condenação.

 Isolamento.

 Separação.

 Paganismo.

A Insegurança Urbana.

 Ativismo.

 Medo De Testemunhar.

Não Saber Como Comunicar O Evangelho.

Falta De Confiança.

Estratégias De Evangelização Urbana.

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Introdução À Exegese Bíblica No Antigo Testamento.

 Conceituação.

  Metodologia Da Exegese Bíblica.

 Tipos De Leitores.

Exegese E Exposição Bíblica

Exegese E Hermenêutica.

 O Objetivo Da Exegese.

 Exegese Gramatical.

A Etimologia Das Palavras.

Uso Corrente Das Palavras.

Uso De Palavras Sinônimas.

O Significado Das Palavras Em Seu Contexto.

 O Uso Figurado Das Palavras.

 A Interpretação Do Pensamento.

Exegese Histórica.

 Circunstâncias Geográficas.

 Circunstâncias Políticas.

 Circunstâncias Religiosas.

 Exegese Teológica.

 Elementos Para A Interpretação Teológica.

A Analogia Da Fé Ou Da Escritura.

 O Sentido Místico Da Escritura.

Interpretação Simbólica E Tipológica Da Escritura.

 Introdução Ao Antigo Testamento.

Os Escritores Do Antigo Testamento.

Cânon Do Antigo Testamento.

 Preservação E Transmissão.

Importância Do Antigo Testamento.

Texto E Forma Do Antigo Testamento.

A Geografia Da Palestina No Antigo Testamento.

Valorização Religiosa Do Antigo Testamento.

História E Cultura.

 Praticando Exegese Em Salmos O Livro Dos Salmos.

 Exegese Dos Salmos 42 E 43.

Exegese Do Salmo 124.

Praticando Exegese Em Isaías.

 O Livro De Isaías.

Breve Exegese Em Isaías 5. 18-19.

 Breve Exegese De Isaías 7. 20.

Breve Exegese Em Tema Do Antigo Testamento: O Nome Divino.

 

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Introdução À Exegese Bíblica No Novo Testamento.

A Questão Do Método Exegético.

Um Método De Interpretação De Textos Bíblicos.

Aspectos Teológicos (“Lógica”).

Aspectos Práticos (“Retórica”).

Questões Introdutórias Aos Evangelhos.

A Credibilidade Histórica Dos Quatro Evangelhos.

A Questão Sinótica.

Exegese No Evangelho De Mateus.

Gênero Literário.

Contexto Histórico.

Ênfases Teológicas.

Autoria.

Público Alvo.

Exegese De Mateus 16.18.

Exegese No Evangelho Segundo João.

Gênero Literário.

Contexto Histórico.

Ênfases Teológicas.

Autoria.

Público Alvo.

Praticando Exegese.

Exegese Na Carta De Paulo Aos Romanos.

Contexto Histórico.

Ênfases Teológicas.

Problema Textual.

Público Alvo.

O Cristianismo Em Roma.

Praticando Exegese.

A Prática Da Exegese.

Comentário Exegético Em Efésios.

Gênero Literário.

Contexto Histórico.

Ênfases Teológicas.

Autoria.

Destinatários.

Comentário Bíblico Exegético Em Filemom.

Comentário Exegético Em Filemom.

Gênero Literário.

Contexto Histórico.

Ênfases Teológicas.

Local E Data.

Outros Dados.

Comentário Bíblico Exegético Em Filemom.

Exegese De Palavras No Novo Testamento.

Exegese Da Palavra “Consolador”: Jo 16.7.

Exegese Da Palavra Alma.

 

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Introdução à Língua Grega Bíblica.

O nome.

História.

Política.

Subdivisões.

Geografia.

Economia.

Cultura.

Koiné.

Fonética.

Assimilando O Alfabeto Grego.

Iniciação à Língua Grega Bíblica.

Gramática.

As Vogais.

Os Ditongos.

Pronúncia.

As Sílabas.

Aspiração (Pronto).

Acentos.

Terminação Das Palavras.

Contração.

A Crase.

Elisão.

Sinais De Pontuação.

Iniciação À Língua Grega Bíblica.

Morfologia.

A Palavra e a Declinação.

Estrutura Das Palavras.

Gênero.

Número.

Caso.

Dica de Língua Portuguesa.

Desenvolvendo à aprendizagem.

Introdução À Língua.

Hebraica para Iniciantes.

Breve Histórico da Língua Hebraica.

Eliezer Ben Yehuda (1858-1922).

Alfabeto Hebraico.

Pronúncia Das Letras e Seus Nomes.

Begadkefat.

Formas Finais.

Classificação das consoantes quanto à fonética.

Valor Numérico do Alfabeto Hebraico.

As Vogais.

Introdução Às Vogais.

Vogais Historicamente Longas.

Pontos Vocálicos Massoréticos.

A Combinação Entre Os Pontos Vocálicos E As Letras Vocálicas.

Leitura E Manuseio.

Consoantes Que Atuam Com O Som De Vogais.

O Som Das Vogais.

As Vogais Ou Sinais Massoréticos.

Meias-Vogais.

Desenvolvendo a Leitura.

Texto de Gênesis 1.1.

Texto de Gênesis 1.2.

Introdução à Língua Hebraica.

As Sílabas.

As Sílabas: Abertas e Fechadas.

O uso do Shevá.

O Dâghēsh.

O Vav.

O Artigo.

O Vav Conjuntivo.

O Artigo Definido.

As Preposições Inseparáveis.

 

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Teologia Contemporânea.

Antecedentes Da Teologia Contemporânea.

Reformadores.

Escolástica Protestante.

Aristotelismo.

Racionalismo.

Deísmo .

O Iluminismo.

Modernismo.

Teologia Liberal.

O Início Da Teologia Moderna.

Idealismo Transcendental – Immanuel Kant.

A Influência De Immanuel Kant Na Teologia.

A Autonomia Preconizada Por Kant.

As Ideias Deístas E Sua Influencia Na Teologia Contemporânea.

Uma Separação Radical Entre História E Fé.

Teologia Do Sentimento – Schleiermacher.

A Religião Como Sentimento.

A Dependência Total De Deus.

Os Distintos Níveis De Consciência.

Os Reflexos Da Filosofia De Schleiermacher Sobre Sua Teologia.

Teologia Especulativa Ou Dialética – Hegel.

O Pensamento.

A Dialética. Deus Como Fundamento Da Religião.

Modernismo.

Teologia Liberal.

A Teologia Dos Valores Morais.

História Do Criticismo Bíblico.

Os Principais Teólogos Desse Período.

A Teoria Documentária.

O Método Histórico-Crítico Hoje.

Objeção Quanto À Premissa Crítica.

Objeção Quanto À Concepção De História.

Objeção Quanto Ao Efeito Do Método.

Crítica Textual E Alta Crítica.

Teologia Existencialista.

Conceito.

Relação Com A Religião.

Fé Cristã E Existencialismo.

Filósofos Que Mais Influenciaram O Existencialismo.

Teologia Dialéticaneo-Ortodoxia.

Karl Barth E A Revolta Contra O Liberalismo Teológico.

Neo-Ortodoxia. Revista Teológica Zwischen Den Zeiten.

A Teologia Existencialista De Rudolf Bultmann.

A Teologia Do “Ser” De Paul Tillich.

Objeções À Teologia De Paul Tillich.

Teologia Secular E A Morte De Deus.

Teologia Secular, Cox E Buren.

A Cidade Secular – Harvey Cox.

A Postura Da Teologia Secular.

O Século XX Foi O Século Da Morte De Deus.

Avaliação Da Teologia Secular.

A Teologia Da Esperança E Da História.

Teologia Da História – Wolfhart Pannemberg.

Teologia Da Evolução De Teilhard De Chardin.

Conhecendo A Proposta Teológica De Teilhard De Chardin.

Principais Objeções A Teologia Evolucionista De Chardin.

Teologia Do Processo.

Pressuposições Da Teologia Do Processo.

Objeções À Teologia Do Processo.

Teologia Da Libertação.

Contextualizando A Teologia Da Libertação.

Principal Erro Da Teologia Da Libertação.

Teologia Relacional.

O Atributo Mais Importante De Deus É O Amor.

Deus Não É Soberano.

Deus Ignora O Futuro, Pois Ele Vive No Tempo, E Não Fora Dele.

Deus Se Arrisca.

Deus Muda.

A Teologia Da Prosperidade.

Autoridade Espiritual.

Bênçãos E Maldições Da Lei.

Confissão Positiva.

O Que Não É A Verdadeira Prosperidade.

O Que É A Verdadeira Prosperidade.

Advertências Bíblicas Sobre As Riquezas Terrenas.

A Teologia Negra.

Definição Da Teologia Negra.

O Pano De Fundo Histórico Para A Teologia Negra.

Fatores Que Contribuíram Para O Surgimento Da Teologia Negra

A Defesa Acadêmica Da Teologia Negra.

Teologia Africana.

Jesus, O Irmão Mais Velho.

Jesus, O Antepassado.

Jesus, O Grande Chefe.

Jesus, Aquele Que Cura.

Jesus, O Libertador.

Pentecostalismo.

Historicidade Do Pentecostalismo.

Os Principais Pressupostos Da Doutrina Pentecostal.

Razões Que Contribuíram Para Crescimento Do Movimento Pentecostal.

Objeções À Doutrina Pentecostal.

A Teologia Do Neopentecostalismo.

História Do Movimento Neopentecostal.

Pressuposições Da Doutrina Da Prosperidade.

Objeções Ao Neopentecostalismo.

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Abordagem Bíblica Em Cada Livro Bíblico, Destacando: Peculiaridade.

Ambiente Histórico.

As Características.

Autor.

Data E Circunstâncias.

 Características.

 Conteúdo.

Contexto Histórico.

Ênfases Teológicas.

Forma Literária.

Introdução.

Objetivos Do Livro.

Propósito.

Resumo Deste Livro.

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

Correntes Teológicas Da Atualidade.

A Era Moderna E O Pós-Moderno.

O Pluralismo Religioso Do Pós-Modernismo.

As Origens Pluralismo Religioso.

Pluralismo Teológico.

As Pressuposições Gerais.

Perigo Da Mudança De Modelo Teológico.

Escatologia.

Os Desafios Da Igreja.

Correntes Teológicas Da Atualidade-Relativismo Teológico.

O Que É O Relativismo.

Modalidades Do Relativismo.

O Perigo Do Relativismo.

O Perigo Do Secularismo.

O Perigo Do Liberalismo Teológico.

O Perigo Do Messianismo Político.

Você É Um Relativista.

Teísmo Aberto.

O Contexto Histórico.

Os Argumentos.

Os Perigos.

A Teologia Relacional.

Refutação Por Augustus Nicodemus.

“Carta Aberta” Do Pr. Eros Pasquini.

O Gondimismo, Do Filósofo Ricardo Gondim, E As Heresias Do “Precioso” Jungen Moltmann.

Correntes Teológicas Da Atualidade-IGREJA EMERGENTE A IGREJA DO PÓS-MODERNISMO? Igreja Emergente:

O Que É Isso.

Origens E Representatividade.

Principais Características.

A Igreja Emergente: A Laudicéia Do Século 21.

Estudo Bíblico Sadio – Antídoto Contra As Heresias.

A Igreja Precisa De Teologia. Correntes Teológicas Da Atualidade-Teologia Liberal.

A Teologia Liberal E Suas Implicações.

Raízes.

A Baixa Crítica E Alta Crítica.

Prove E Veja.

A Bíblia Como Livro Mitológico.

O Livro “A Cabana”.

Teologia Da Ortodoxia Generosa.

Conceitos.

O Cristianismo Anti-Ortodoxia.

Teologias Afins Da Ortodoxia Generosa.

Correntes Teológicas Da Atualidade-A Nova Teologia E O Movimento De Nova Era.

A Teologia Moderna.

A Nova Teologia Influencia As Traduções Da Bíblia.

A Proposta De Discipulado Da Nova Teologia.

A Sedução Das Novas Teologias.

 

TÓPICOS ABORDADOS ⇓

O Direito Eclesiástico.

O Direito.

Direito Público.

Direito Privado.

Fontes do Direito: Estatais, Não-estatais, Primárias, Secundárias.

Conceito Direito Eclesiástico.

Origem do Direito Eclesiástico. Direito Eclesiástico Brasileiro Contemporâneo.

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. (Promulgada em 5.10.1988).

Preâmbulo.

Liberdade Religiosa.

Liberdade De Crença.

Liberdade De Culto.

Liberdade De Organização Religiosa.

Separação e colaboração.

Assistência Religiosa.

Ensino Religioso.

Casamento Religioso.

Síntese Histórica.

Decreto lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940.

Código Penal.

NOVO CÓDIGO CIVIL – LEI Nº 10.406, DE 10 DE JANEIRO DE 2002.

Código de Processo Civil – (Lei nº 5.869, de 11º DE JANEIRO DE 1973).

A Previdência Social e os Ministros Religiosos (Lei n.º 6.696, de 08 DE outubro de 1979).

Declaração Americana dos Direitos e Deveres.

Lei Sobre o Direito de Reunião -(Lei n.º 1.207, de 25 DE outubro de 1950).

Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – (Lei n.º 5.692, de 11 agosto de 1971).

Lei do serviço militar – (Lei n.º 4.375, de 17 de agosto de 1964), retificada pela Lei n.º 4.754, de 18 de agosto de 1965.

Lei do Serviço de Assistência Religiosa nas Forças Armadas. (Lei n.º 6.923, de 29 de junho de 1981).

Lei que Concede Segunda Chamada de Exames ou Avaliações a Alunos da Rede Estadual de Ensino. (Lei n.º 7.102, de 15 de janeiro de 1979 – Estado do Paraná).

Estatuto do Estrangeiro – (Lei n.º 6.815, de 19 DE agosto de 1980).

Normas Gerais do Regime Penitenciário – (Lei n.º 3.274, de 02 de Outubro de 1957).

Nos termos do Estatuto da Criança e Adolescente, ECA: Art. 124 caput e inciso XIV.

O Estado Brasileiro É Laico.

Acordo Entre O Brasil E Igreja Católica No Brasil (DECRETO Nº 7.107, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2010). Acordo Entre A República Federativa Do Brasil E A Santa Sé Relativo Ao Estatuto Jurídico Da Igreja Católica No Brasil.

Ação Popular Contra Concordata Entre Brasil E Vaticano.

Manifesto Dos Batistas Paranaenses Ao Acordo Entre A República Federativa Do Brasil E A Santa Sé. Universidade Federal Do Rio De Janeiro Núcleo De Estudos De Políticas Públicas Em Direitos Humanos Observatório Da Laicidade Do Estado Brasil: País Laico Ou Concordatário? O ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE – ECA: 1) Descrição; 2) Conceitos; e 3) Controvérsias.

A Igreja, O Código Civil E O Batismo De Crianças.

 

TOP
error: O Conteúdo é bloqueado , para obter o conteúdo entre em contato com nossa central de atendimento.